Spawn – Mensal – Edição 301

0
19

Título Original: The Record

Título no Brasil: N/A

Data de Publicação (EUA): Outubro/2019

Data de Publicação (Brasil): N/A

Editora Brasileira: N/A

História: Todd McFarlane

Desenhos: Greg Capullo (Capítulo 1), Jason Shawn Alexander (Capítulo 2), Todd McFarlane (Capítulo 3), Clayton Crain (Capítulo 4) e Jerome Opeña (Capítulo 5)

Arte-final: Todd McFarlane, Jonathan Glapion

Cores: FCO Plascencia, Peter Steigerwald, Matt Hollingsworth, John Rauch, Greg Menzie e Jay Fotos

Letras: Tom Orzechowski (EUA)

Capa: Todd McFarlane (A, B, C, H, I, J) , Greg Capullo (B, C), Jason Shawn Alexander (D), Clayton Crain (E), Jeremy Opeña (F), Francesco Mattina (G), Alex Ross (K, L), Bill Sienkiewicz (M, N), J. Scott Campbell (O, P)

Diretor Criativo: Todd McFarlane

Editor-Chefe: Jon Goff

Coordenadora de Publicações: Shannon Bailey

Diretor de Arte: N/A

Artista de Produção: Jordan Butler

Assistente de Produção: N/A

Editado para a Image Comics por: Eric Stephenson

Tradução: N/A

Dedicado a todos os fãs de Spawn


RESUMO:

Em duelo contra as forças do Céu e do Inferno, Spawn libera o seu poder com força total fazendo com que todo o espaço-tempo seja atingido e vários hellspawns estejam cientes desta nova força. É hora de novos jogadores entrarem em cena: começa o Universo de Spawn!


CURIOSIDADES:

  • Esta edição é registrada no Guinness Book como o título independente mais longo da história
  • Início do Universo de Spawn
  • Primeira aparição de Monolith
  • Primeira aparição de Skullsplitter
  • Primeira aparição do Spawn Ninja
  • Esta edição teve 23 capas alternativas
  • A capa R é extremamente rara pois distribuída apenas para os funcionários da TMP.
  • A capa T é uma edição do “Dia da Assinatura Inaugural exclusiva para um evento de assinaturas que ocorreu no Álamo, Arizona, em 26 de outubro de 2019. Foi limitada a 1.000 cópias.
  • A capa U é um sketch de Alex Ross que foi oferecida apenas em seu site. Foi limitada a 666 cópias.
  • A capa V foi exclusiva do site do Clayton Crain e limitada a 666 cópias. Algumas edições foram assinadas com variações de arte-finalização. Todas as cópias foram numeradas com um Certificado de Autenticidade.
  • Uma outra capa variante produzida por Clayton Crain chegou a ser anunciada mas por algum motivo desconhecido ela não foi usada.
Capa da edição #301 não utilizada. Arte de Clayton Crain.
Deixe o seu comentário